App inovador impulsionou a abertura de 30 mil novas contas em banco digital

desenvolvimento de aplicativos de educação financeira
6 minutos para ler
DATA MESH

Nos últimos anos, com o crescimento do número de corretoras de investimentos e o acesso cada vez maior de pessoas físicas à Bolsa de Valores, nunca se falou tanto em educação financeira. E, assim como qualquer disciplina que se aprende na escola, quanto mais cedo se entra em contato, melhor.

Nesse contexto, tanto o Ministério da Educação (MEC) como o Banco Central criaram iniciativas com o objetivo de fomentar a educação financeira na rede pública de ensino. E empresas de diferentes segmentos perceberam oportunidades de expandirem sua atuação.

Uma delas é um banco digital cliente da BRQ que, com seu apoio, desenvolveu um aplicativo de educação financeira para menores de 18 anos. O que acha, então, de conhecer um pouco mais o processo de criação e os resultados alcançados pelas duas empresas? Continue a leitura deste artigo e saiba mais sobre essa parceria de sucesso!

Qual era a necessidade do cliente?

Com o objetivo de expandir a marca de modo mais ágil, o banco aproveitou a oportunidade de mercado para bancarizar menores de 18 anos.

O projeto ganhou forma com uma parceria com a Disney para criação de um app mobile voltado para crianças. “A Disney fez uma proposta para o desenvolvimento de um aplicativo focado em educação financeira infantil e o vimos ali uma grande oportunidade”, relata Ane Knust Coelho, gerente de Operações na BRQ responsável pelo projeto com o cliente.

Qual foi a solução desenvolvida?

A BRQ utilizou sua expertise para, junto com seu cliente e a Disney, cocriarem o app, com o propósito de introduzir a educação financeira e os serviços bancários a um público de três a 18 anos.

Pelo aplicativo, a empresa viabilizou que crianças e jovens abrissem uma conta própria, atrelada à conta do responsável. A plataforma também oferece vídeos e quadrinhos sobre finanças com visão e linguagem lúdicas, utilizando personagens da Disney para ilustrar conceitos e assuntos.

Além disso, foram feitas alterações na conta do responsável, permitindo:

  • o controle do cartão do menor;
  • a emissão do extrato bancário;
  • o envio de dinheiro para os filhos;
  • o planejamento de mesadas;
  • a definição de missões para os filhos cumprirem a fim de conquistarem a mesada.

Como foi o processo de desenvolvimento do aplicativo de educação financeira infantil?

A parceria entre a BRQ e o banco digital já existe há algum tempo, com um formato de esteiras, ou seja, squads trabalhando com projetos consecutivos focados em determinadas jornadas na instituição.

Essa parceria forneceu uma grande sinergia no desenvolvimento do app, que contou com times multidisciplinares da BRQ atuando em uma jornada ágil, desde o início da ideação da experiência do novo consumidor até a implementação do projeto.

CTA animado Cloud

Porém, de acordo com Ane, houve alguns desafios no decorrer do processo. Com o projeto tendo sido iniciado em fevereiro de 2020, a equipe precisou se adaptar ao distanciamento social imposto pela pandemia nos meses seguintes. Isso resultou em um atraso na primeira entrega.

Contornado o desafio, o projeto foi um sucesso e fez com que o time valorizasse ainda mais o resultado obtido. Desde então, o squad vem se dedicando a atualizações constantes para aperfeiçoamento da solução. “Até hoje estamos fazendo entregas parciais para uma melhor experiência do usuário. Inicialmente, por exemplo, era preciso ter a identidade ou CPF da criança para criar uma conta, mas, depois de um tempo, tornamos possível a abertura com a certidão de nascimento. O processo de criação é algo evolutivo”, explica a Gerente de Operações.

Quais foram os resultados do projeto?

Com o novo aplicativo, o banco conseguiu atingir os seus dois principais objetivos. O primeiro foi o aumento significativo da presença da marca em mídias físicas e digitais, especialmente na primeira entrega. Além disso, mais de 30 mil contas foram abertas no aplicativo até fevereiro de 2021, concretizando um crescimento surpreendente.

Outro ponto que merece destaque é o fato de o app ter sido o primeiro projeto na América Latina que une uma instituição financeira bancária e a Disney para promover educação financeira ao público de três a 18 anos. Esse, certamente, é um grande marco.

No mais, de acordo com o PMO (Project Management Office) do cliente, o projeto também foi considerado um sucesso no que diz respeito ao trabalho em equipe, transparência, organização e proposição de novas ideias.

“Trata-se de uma equipe muito organizada para o cumprimento dos objetivos da sprint. Na primeira etapa do processo, todas as entregas foram realizadas dentro do planejado e estipulado pelos membros do time, um reflexo da boa relação entre os membros do squad”, afirma Ane.

Como sua empresa pode ter acesso a melhorias como essa?

O melhor caminho para que a sua empresa também consiga aprimorar processos e agregar ainda mais valor às soluções é contar com o suporte de empresas especializadas.

A BRQ Digital Solutions é uma referência na área de tecnologia e, em seus 29 anos de trajetória, se consolidou como uma das maiores empresas do segmento no país. Essa experiência traz uma visão mais consistente dos desafios de negócio e se traduz em uma plataforma de serviços end-to-end, que contempla os diferentes estágios da jornada digital.

Todo esse processo é mediado por seus times cross-funcionais, ágeis, autogerenciáveis e com alta capacidade técnica. Além disso, a empresa tem parceiros estratégicos, tanto fabricantes internacionais de soluções quanto startups de soluções B2B investidas pela própria BRQ, que impulsionam a inovação, maximizam a produtividade e agilizam entregas de qualidade para a melhor experiência do cliente

Deseja implementar as melhorias que vimos nesse case na sua empresa? Então entre em contato conosco, conheça as nossas soluções e otimize o desempenho do seu negócio!

Cultura data-driven
Você também pode gostar

Deixe um comentário

3 × 3 =