Cocriação: você conhece essa ideia?

Cocriação
7 minutos para ler

No mundo em que vivemos, inovar é preciso. Mas, nem sempre se trata de uma tarefa simples. Muitas vezes, o trabalho da sua equipe já está limitado e precisa, por exemplo, de um olhar externo. Isso mesmo, as soluções podem ser encontradas fora da sua organização, realizando parcerias com outras companhias. Um conceito conhecido como cocriação.

Por conta da transformação digital, ficou muito mais fácil se relacionar com agentes externos em busca de soluções ainda mais disruptivas e inovadoras. Esse parceiro pode ser um cliente, um fornecedor, ou até mesmo um concorrente. O mais importante é atender aos desejos de um segmento do mercado com a criação de um produto ou serviço mais completo.

Mas como essa abordagem de inovação aberta funciona? Afinal, como trabalhar com outras empresas para produzir algo novo? Continue a leitura deste artigo para entender um pouco mais sobre o conceito de cocriação, os benefícios para a sua companhia e, é claro, como colocá-lo em prática!

O que é a cocriação?

Imagine que a sua equipe identificou uma demanda de um cliente, mas por falta de recursos financeiros, ausência de mão de obra ou falta de insumos para a criação, não consegue seguir com um projeto para solucionar a demanda.

A alternativa viável para prosseguir com o projeto é a cocriação: uma forma de inovação que inclui a participação de agentes externos (parceiros, fornecedores, clientes e até mesmo concorrentes) no desenvolvimento de produtos, soluções e serviços. A ideia é reunir diferentes expertises para agregar valor ao resultado dos projetos.

Com a cocriação, fica muito mais fácil compreender o que o cliente deseja e, principalmente, entregar um resultado mais completo e totalmente alinhado às suas necessidades. A colaboração entre equipes com diferentes expertises, além de estimular a inovação, acaba proporcionando mais visibilidade às empresas e seus produtos e/ou serviços.

Como a cocriação funciona?

O modo mais usual de funcionamento da cocriação é a parceria entre uma organização e seus fornecedores ou consumidores. A partir das ideias do seu público, é possível desenvolver um produto mais personalizado e adequado para solucionar as dores dos seus clientes, por exemplo. Enquanto isso, o fornecedor pode proporcionar recursos que faltam para a materialização de um projeto.

Para que um projeto de cocriação funcione, porém, é preciso seguir algumas diretrizes e boas práticas. Já imaginou juntar uma equipe que trabalha de forma descentralizada com uma que tem padrões e processos padronizados? A comunicação, portanto, é essencial para que a troca de ideias e conhecimento seja, de fato, produtiva para alcançar o objetivo final.

Alguns pilares devem ser respeitados para que a cocriação funcione de maneira eficiente:

  • comunicação direta e muito diálogo entre todos os envolvidos;
  • acesso para ambas as partes aos recursos e informações do projeto;
  • entendimento dos benefícios e dos riscos envolvidos;
  • estabelecimento de uma relação transparente.

Quais são os benefícios dessa prática para a sua empresa?

Confira algumas das principais vantagens!

Cultura data-driven

Novas possibilidades de negócio

A sua empresa pode estar estagnada por diferentes tipos de limitações. A partir do momento que um agente externo passa a fazer parte dessa dinâmica, novas oportunidades de negócio podem surgir para a sua companhia. Seja para trabalhar dentro de um segmento que ainda não havia sido explorado, seja para fazer mais pelos seus clientes finais.

Redução dos riscos (e custos) envolvidos no projeto

A redução dos riscos e dos custos envolvidos em um projeto também é outro benefício significativo. Em vez de assumir toda a responsabilidade ou o impacto caso alguma coisa dê errado, o ônus é dividido com o parceiro. Da mesma forma, é possível encontrar soluções mais criativas para desenvolver ou melhorar processos.

Mais ideias possibilitam a criação de soluções mais personalizadas

A cocriação proporciona um processo de criação mais inovador e eficiente. O brainstorming se torna mais rico com a colaboração de equipes com diferentes competências e, consequentemente, diferentes experiências. A visão que outra empresa ou indivíduo fornece para o seu negócio pode ser essencial para encontrar soluções mais personalizadas para velhos problemas. Pode ser em relação ao cliente final ou, até mesmo, para o funcionamento da sua própria organização.

Multidisciplinaridade de competências

A cocriação também possibilita que mais pessoas, de diferentes origens e conhecimentos, possam contribuir para a solução final. A multidisciplinaridade de competências é outra forma de enriquecer ainda mais o projeto. Visões e abordagens distintas ajudam a estruturar um produto que fuja do padrão e apresente ainda mais relevância para o cliente.

Gestão mais eficiente de projetos

Outro ponto aprimorado a partir da cocriação é a gestão mais eficiente de projetos. Por mais que pareça mais complexo inicialmente, a administração do que está sendo feito se torna, na verdade, ainda mais eficiente. O fluxo de trabalho é melhor definido, garantindo que nenhuma etapa seja deixada de lado e a meta final seja alcançada.

Como aplicar a cocriação na sua empresa?

Com tantas vantagens para um negócio, por que não aplicar a cocriação na sua empresa também? Antes de seguir com essa ideia, porém, é importante levar alguns fatores em consideração. O primeiro deles é a definição de um objetivo em comum entre as partes envolvidas. Como o que cada um ganhará com a execução do projeto e também quais são os riscos envolvidos na operação.

A partir do momento em que o time de inovação da empresa definiu a meta do projeto, é hora de encontrar os parceiros ideais. Quem proporcionará o suporte mais necessário ou o que falta na sua equipe? Para melhorar o atendimento ao consumidor, pode ser interessante abrir o processo criativo para a participação dos seus próprios clientes. É preciso definir como funcionará a cocriação.

Por conta disso, a criação de um SLA (Service Level Agreement) é o mais indicado, estipulando o que se espera de cada parte, as responsabilidades e obrigações, especialmente no caso de cocriação ao lado de outras organizações. Depois, é hora de executar o que foi planejado, filtrar as melhores alternativas e definir os caminhos a serem seguidos para a execução do projeto.

Qualquer empresa que deseja se destacar deve buscar constantemente por atualizações que ofereçam mais para os seus consumidores. A inovação não precisa vir, necessariamente, apenas de dentro da sua companhia. Novas soluções podem surgir com a junção de dois trabalhos completamente distintos. Por isso, é importante implementar conceitos como o de cocriação para se desenvolver, criar e implementar ideias inovadoras constantemente.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o que é cocriação, como funciona e quais são os benefícios para a sua organização, que tal seguir por dentro de outros assuntos relevantes para o seu negócio? Assine a nossa newsletter para receber conteúdos como este diretamente na sua caixa de entrada!

Você também pode gostar

Deixe um comentário