Saiba de uma vez por todas o que é a inovação aberta

inovação aberta
6 minutos para ler

Cada vez mais as empresas vêm percebendo que podem obter excelentes resultados ao trabalhar de forma colaborativa. Por isso, o modelo de gestão de inovação aberta, ou open innovation, é uma excelente alternativa para impulsionar a cultura de inovação nas empresas.

Hoje, vamos entender um pouco melhor esse assunto: o que é a inovação aberta, quais são os benefícios proporcionados por ela e como aplicá-la em seu negócio.

O que é inovação aberta?

A inovação aberta é um conceito utilizado para se referir à estratégia de trazer atores externos para trabalhar em conjunto com a empresa. Dessa forma, é possível abrir as portas para startups, parceiros, fornecedores e até mesmo estudantes conhecerem o modelo de negócio e oferecer soluções para ele a partir da sua própria expertise.

Na realidade, essa é uma forma de acelerar a inovação, expandir, ganhar mercados e beneficiar todos os envolvidos. É assim que, juntas, as empresas agregam valor aos seus produtos e serviços e colhem resultados importantes.

Diferentemente da inovação fechada, que acaba se tornando uma busca solitária pela quebra de alguns padrões mercadológicos, a aberta busca estabelecer uma conexão entre negócios que podem ser complementares. Até mesmo dois concorrentes podem cooperar rumo à inovação.

Quais são os benefícios da inovação aberta?

O número de companhias que mantêm algum relacionamento com startups em iniciativas de inovação aberta cresceu cerca de 20 vezes no último quinquênio, de acordo com dados da 100 Open Startups, plataforma que conecta startups a organizações de diversos setores no país.

As grandes empresas com algum relacionamento de inovação aberta com as empresas de tecnologia passaram de 82, em 2016, para 1.635 em 2020. Destas, 58% são empresas que buscaram startups para inovar e encontraram ao menos uma startup parceira. Em 2016, esse percentual foi 24%.

Compilação de insights mais complexos

Pode ser um pouco difícil realizar a gestão da inovação quando você precisa lidar com insights muito complexos. No entanto, quando você pode contar com a expertise de profissionais de diferentes áreas, com abordagens distintas, essa missão é facilitada.

Possibilidade de atualizar produtos e serviços

Quando se trata de produzir novas soluções, mais tecnologia e processos inovadores, a estratégia da inovação aberta é realmente vantajosa. Como a empresa trabalha em parceria com outros negócios, que têm diferentes áreas de especialidade, as soluções acabam se tornando mais valiosas e atualizadas.

Criação rápida de produtos mais completos

Juntar suas ideias e forças com as de parceiros potentes traz mais agilidade aos processos criativos, especialmente em projetos mais complexos. Isso pode representar uma redução significativa do tempo que será necessário para desenvolver novos projetos.

Construção de uma comunidade

Na inovação aberta, uma rede de networking é primordial. Empresas e pessoas se conectam, trocam conhecimentos e contribuem umas com as outras. Isso estabelece uma nova comunidade de cocriação e, com ela, ainda mais chances de obter bons negócios, produtos e serviços.

Redução dos custos

Considerando o compartilhamento de investimentos e a agilização dos processos criativos na inovação aberta, podemos dizer que ela é capaz de gerar uma redução importante de custos. Com isso, os benefícios colhidos serão muito maiores.

Mitigação de riscos

Os riscos também podem ser mitigados ao aumentar a eficiência de um produto. Como as perspectivas de desenvolvimento aumentam com a colaboração externa, as chances de um processo satisfatório são ainda maiores. Logo, a credibilidade aumenta.

Como aplicar a inovação aberta?

Agora, você vai conferir algumas ideias de inovação aberta.

Hackathons

Os hackathons são maratonas de programação. O conceito consiste em períodos intensos de muita criação, com um elevado uso de tecnologia e soluções inovadoras e disruptivas. Eles atraem talentos externos, estudantes e profissionais de outras áreas. Ainda, tudo acontece em um prazo bastante acelerado.

Negócios spin-off

Os negócios spin-off são uma forma de dar continuidade a um produto que de certa forma ficou bom demais para continuar na empresa inicial. Por isso, para não atrapalhar o negócio e as suas criações, ele é separado e continua crescendo de forma independente.

Crowdsourcing

O crowdsourcing é uma forma de contribuição colaborativa. As pessoas reúnem suas ideias de forma a aproveitá-las para desenvolver soluções práticas, necessárias e aplicáveis. Isso pode ser feito com a ajuda da comunidade externa.

Cocriação

A cocriação é bastante viável, especialmente com as startups. Essas empresas de tecnologia são criadas para desenvolver soluções a problemas específicos, mas podem servir como uma ótima fonte de conhecimento para resolver questões do seu negócio.

Ainda assim, é importante reforçar que cada empresa tem suas particularidades, e elas devem ser levadas em conta nesse processo. Portanto, existem inúmeros caminhos para se chegar à inovação aberta. Você precisa descobrir qual deles é mais vantajoso para a sua realidade.

Quais são os exemplos de inovação aberta?

Conheça agora alguns exemplos de inovações abertas utilizadas pelas empresas.

Inbound Open Innovation

O Inbound Open Innovation é uma forma de trazer as pessoas de fora para resolver problemas bastante pontuais. Empresas do ramo do automobilismo, por exemplo, costumam se beneficiar de iniciativas ligadas à sustentabilidade e vice-versa.

Outbound Open Innovation

Já no Outbound Open Innovation, a empresa passa a propor soluções para os seus parceiros e inovadores. É uma maneira de ela se tornar mais proativa. Para isso, ela observa necessidades e as atende. Se um fornecedor está com um problema nas suas entregas, você pode propor novos esquemas e estratégias que funcionam na sua empresa como referência.

Coupled Open Innovation

No Coupled Open Innovation, mais de uma empresa ou instituição encaram o mesmo problema. Dessa forma, qualquer solução proposta pode ganhar um potencial ainda maior. Se uma cooperativa está com problema na produção de um item, por exemplo, ela pode recorrer a outras cooperativas para que, juntas, elas concorram e colaborem entre si.

Como você viu, inovar pode ser uma questão de sustentabilidade para qualquer negócio. Por isso, é primordial que sua empresa esteja preparada, o que significa que deve contar com a contribuição dos parceiros, talentos e fornecedores certos.

Gostou de saber mais sobre a inovação aberta? Então, espere até conhecer todos os nossos conteúdos atualizados. Assine nossa newsletter para recebê-los diretamente no seu e-mail!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

5 × dois =