Skip to main content

Desde seu surgimento, a navegação em nuvem tornou-se um recurso cada vez mais utilizado no dia a dia, tanto pelas empresas como por pessoas físicas. Essa tecnologia melhorou consideravelmente a gestão de informação em empresas, aumentando sua flexibilidade e escalabilidade. Naturalmente, ela também gerou várias mudanças na forma como as empresas trabalham. Um dos resultados disso é o FinOps.

Essa metodologia é relativamente recente, mas já apresenta grande impacto no desempenho de vários negócios, ajudando com a otimização de custos e armazenamento. Não se trata de uma nova tecnologia, mas sim de uma forma mais eficaz de fazer a governança de cloud computing em uma empresa.

Acompanhe e entenda mais sobre o FinOps e como ele é o futuro para a governança cloud!

Quais os principais desafios ao se usar serviços em cloud?

Antes de falar do FinOps especificamente, vale a pena entender um pouco sobre os serviços do tipo cloud e seus principais desafios atuais. Afinal, é a partir deles que surgiu essa nova metodologia.

Conectividade

O princípio central do cloud computing é o acesso remoto a dados por meio da internet. Sendo assim, para poder usá-lo de maneira efetiva, é necessário ter uma conexão estável e contínua. Isso exige não só um bom provedor de internet para sua empresa, mas também uma boa infraestrutura e planejamento na implementação dessa rede.

Integração com sistemas antigos

Para que a computação em nuvem seja efetiva, é necessária uma série de recursos de hardware e software, muitos dos quais não são compatíveis com tecnologias mais antigas. A migração para sistemas mais recentes e melhor adaptados às demandas atuais é uma tarefa complexa, mas fundamental para a automatização de processos e crescimento de longo prazo.

Segurança

Juntamente com a conectividade, vem a preocupação com vazamento de informações, violação ou alteração indevida de documentos e invasão do sistema, entre outros problemas do tipo. Por isso que, com o investimento em serviços Cloud, vem a necessidade de investir em segurança de dados para a empresa.

Custos

Por fim, também aparece a questão do custo. Contratos de longo prazo exigem bastante planejamento, pois levam em conta tanto o uso atual como o futuro — isso além do investimento inicial em infraestrutura, que já mencionamos. A realização desse trabalho hoje ajuda a garantir maior escalabilidade no futuro.

O que é FinOps?

É nesse contexto que surge o FinOps, termo que representa as Cloud Financial Operations (Operações Financeiras em Nuvem). Essa metodologia diz respeito ao gerenciamento financeiro da computação em nuvem, com o intuito de tornar seu custo mais otimizado e previsível.

Com a maior difusão da tecnologia em nuvem, muitos provedores passaram para um serviço baseado em uso, ou seja, a empresa paga apenas pelos recursos que usar. Porém, esse custo variável dificulta o planejamento financeiro da parte operacional da nuvem. Por consequência, as empresas se adaptam para extrair mais valor do serviço em seu formato atual.

O objetivo dessa metodologia é oferecer uma análise mais precisa e rigorosa dos custos associados à computação em nuvem. Naturalmente, essa informação é usada para avaliar o uso da nuvem em tempo real e calcular com maior precisão seu impacto no orçamento da empresa.

Gestão Corporativa - Data Mesh

Também não se trata de um fenômeno particular de uma ou outra empresa. É uma mudança que ocorreu organicamente e foi se consolidando com o tempo. Em qualquer área com um custo variável, a ação mais correta da empresa é tentar reduzir a variação e o desperdício, proporcionando ganhos mais consistentes.

Quais são os principais recursos oferecidos pelo FinOps?

O FinOps é uma metodologia, um conjunto de boas práticas para otimizar o custo operacional da nuvem. Sendo assim, ele se baseia principalmente na forma como a tecnologia é usada pela equipe e em princípios orientadores gerais. Veja, a seguir, os principais deles.

Análise precisa e rigorosa de custos

A base da metodologia FinOps é o rastreamento de recursos e custos. A ideia aqui é usar a tecnologia para identificar com precisão as fontes de despesas associadas à computação em nuvem e usar essa informação para tomar decisões.

Decisões tomadas em tempo real

Pela sua natureza dinâmica, o uso de serviços de cloud computing apresenta um custo bem variável, com vários fatores influenciando seu resultado final. Para acompanhar esse ritmo, a empresa deve ter informações atualizadas e usá-las para tomar decisões em tempo real.

Otimização do planejamento de recursos

Com o melhor planejamento e capacidade de reagir a diferentes ocorrências, a empresa está mais bem preparada para fazer a redução de custos e planejar suas finanças — isso levando em conta tanto dados atuais como seu histórico.

O que é a jornada FinOps?

A implementação da metodologia FinOps é baseada em um ciclo. A cada interação, é possível obter mais dados e melhorar o desempenho final do sistema. Confira a seguir os estágios da jornada FinOps.

Informar

O processo todo começa com a visualização dos custos da empresa. Nesse momento, são feitos:

  • o planejamento de recursos de nuvem que serão usados;
  • o benchmarking das métricas de sucesso que serão usadas;
  • e a elaboração de um plano de orçamento, considerando o Retorno Sobre Investimento (ROI) e a previsão de custos, já com algum grau de precisão.

Otimizar

O segundo passo é orientar a equipe para que execute boas práticas de uso dos serviços em nuvem. Isso vale tanto para procedimentos em larga escala como para tarefas do dia a dia. Por exemplo, fazer o desligamento de instâncias e sistemas quando não estão em uso reduz bastante seu custo operacional, tanto em energia quanto em consumo de rede.

Operar

O terceiro passo é colocar essas políticas em prática e acompanhar os resultados. É menos um encerramento do processo e mais um indicativo de como ele deve ser continuado. Com base nas métricas coletadas e nos resultados obtidos, a empresa deve fazer novas precisões, ajustar suas projeções e encontrar novas maneiras de otimizar o processo como um todo.

Adotar o FinOps dentro da sua empresa faz grande diferença na competitividade e sustentabilidade do seu negócio, especialmente à medida em que mais recursos em nuvem são integrados. Pode levar um tempo para dominar a metodologia, mas logo você verá seus efeitos positivos na gestão financeira operacional da nuvem.

Quer saber mais sobre FinOps e sua implementação? Então entre em contato conosco e saiba como podemos ajudar!

BRQ fale conosco

Leave a Reply